DataMusic #36: Música de Protesto #VotoColorido

Com a proximidade da hora de manifestar nossos interesses nas urnas, Robba e Rodrigo falam sobre música de protesto, em especial no Brasil e incluindo recortes sobre a ditadura militar e o movimento Tropicalista, e discutem a importância do voto consciente e da necessidade de reforma do legislativo brasileiro
#VotoColorido  

DataMusic é transmitido pela Rádio Sens toda quinta às 21h30, com reprises nos sábados às 8h e domingos às 15h, em https://senscast.org

download: https://goo.gl/6Rc1mD
assine o feed: https://goo.gl/thjMYF
available on iTunes: https://goo.gl/rBKLWs
curta no facebook: https://goo.gl/WyYhAC

Tracklist:

Billie Holiday – Strange Fruit
Public Enemy – Fight The Power
The Who – Won’t Get Fooled Again
Patti Smith – People Have The Power
The Beatles – Revolution
Bob Marley – Get Up Stand Up
Sepultura – Refuse/Resist
New Model Army – Here Comes The War
Arcade Fire – I Give You Power
Geraldo Vandré – Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores
Caetano Veloso e Os Mutantes – É Proibido Proibir (Ambiente De Festival)
Chico Buarque – Apesar De Você
Roberto Carlos – Debaixo Dos Caracóis Dos Seus Cabelos
Cazuza – O Tempo Não Para
Legião Urbana – Geração Coca Cola
Plebe Rude – Até Quando Esperar
Gilberto Gil e Os Mutantes – Domingo No Parque
Gilberto Gil, Caetano Veloso, Gal Costa e Os Mutantes – Bat Macumba
Gilberto Gil, Caetano Veloso, Gal Costa, Os Mutantes e Tom Zé – Parque Industrial
Gal Costa – Divino Maravilhoso
Gal Costa – Brasil

Trilha de fundo:
Buffalo Springfield – For What It’s Worth
Bob Dylan – The Times They Are A-Changin
Gil Scott-Heron – The Revolution Will Not Be Televised
John Lennon – Power To The People
James Brown – Say It Loud (I’m Black And Proud)
Marvin Gaye – What’s Going On
Caetano Veloso – Alegria Alegria
Ronnie Von – Anarquia
Elis Regina – O Bêbado e o Equilibrista
Caetano Veloso – Soy Loco Por Ti América
Legião Urbana – Que País É Esse?
Caetano Veloso e Os Mutantes – É Proibido Proibir
Caetano Veloso – Tropicália
Os Mutantes – Panis et Circensis
Gilberto Gil – Miserere Nóbis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *